A história da Haguihara

A Haguihara teve início no final dos anos 40 com seu fundador Tsunetaro Haguihara, que chegou ao Brasil trazendo a sabedoria da filosofia oriental das Artes Marciais que tem a base e a metodologia na evolução mental, evolução espiritual e na evolução física do ser humano com a natureza.

Qual o significado disso tudo?
É simples:
Mente sã/ corpo são.
Esse é um assunto complexo, mas se torna simples se olharmos para a base dessa filosofia de vida.

Pirâmide:
Foco
Consciência
Descanso
Alimentação
Circulação Sanguínea

Não importa sua religião ou credo. Não importa se é rico ou pobre. Essa pirâmide é fundamental para se viver uma vida plena.

E o ‘sansei’¹ Tsunetaro Haguihara passou essa filosofia para seu filho Shigueo Haguihara e seu neto Fábio Shiguesada Haguihara, que deu continuidade aos estudos e práticas dos ensinamentos das Artes Marciais.

Desde jovem Shigueo Haguihara praticou e ensinou seu filho Fábio Haguihara sobre as Artes Marciais e seus ensinamentos, juntos entre um estudo e outro, ficaram impressionados com a história de Bruce Lee, principalmente na época em que ele sofreu uma lesão na coluna, onde nunca mais poderia andar ou levantar pesos para exercitar os músculos.

Descobriram que com a Eletroterapia ele conseguiu dar sequência ao seus trabalhos. Depois disso Shigueo e Fábio trabalharam juntos por muitos anos com a Bioeletroterapia trazendo melhoria de vida para muitas pessoas. No ano 1998 Shigueo aos seus 50 anos deixa sua família, Fábio segue sua carreira sozinho dando continuidade aos estudos e desenvolvimentos de novas tecnologias na área da Bioeletroterapia.

No ano de 2015 Fábio conhece sua esposa Flávia Assola professora de Estética e juntos fundam a Empresa Haguihara Biotécnologia Molecular, onde hoje trabalham na formação de métodos avançados na área da fisioterapia, estética avançada, fitness inteligente e muito mais. Fazendo ciência na prática com resultados rápidos e surpreendentes.


Flavia Assola

Formada pela universidade Anhembi Morumbi em Cosmetologia e estética, professora de estética corporal e facial há 10 anos e cofundadora da Haguihara Biotecnologia Molecular.


Fabio Haguihara

Formado pela Pontifícia Universidade Católica (PUC), Bioeletricista, fisioterapeuta e fundador da Haguihara Biotecnologia Molecular.

Fabio conta que teve uma oportunidade diferente dos demais profissionais por ter nascido em uma família que já lidava com Engenharia Bioelétrica, lembrando que, ainda garoto, foi diretamente influenciado pelas profissões do pai que era fisioterapeuta e do avô acupunturista e decidiu trilhar o mesmo caminho, formando-se em Fisioterapia, com especialização em Bioeletricidade, método que estimula as células e o metabolismo corporal, trazendo resultados estéticos e terapêuticos em curto espaço de tempo.
“Desde os seis anos acompanhava meu pai quando ele ia tratar os pacientes, então pude ter contato com esta prática desde cedo” conta o fisioterapeuta. Explica que o diferencial do tratamento que oferece, juntamente com sua esposa, é o domínio das correntes elétricas.

O método Haguihara é feito por meio de um aparelho chamado Ultra-Seven, desenvolvido há mais de 30 anos pelo pai de Fábio e aperfeiçoado pelo rapaz. O pequeno aparelho, de aparência simples, cabe na palma da mão. Mas, neste caso, tamanho não é documento. Prático, portátil e de fácil manuseio, para adquirir o Ultra Seven é necessário realizar um treinamento com a finalidade de capacitar para aplicar o método em si mesmo ou em outras pessoas. “As pessoas estão acostumadas com aparelhos grandes cheios de botões; eu também estava acostumada a este padrão até conhecer o Ultra-Seven e ficar impressionada com os resultados incomparáveis que o aparelho proporciona” garante Flávia.

Eles criaram um novo método que está revolucionando a estética fitness

A Haguihara firma parcerias com aqueles que adquirem o aparelho “Ultra Seven” juntamente com o treinamento oferecido pela empresa. Em seguida, a pessoa já pode aplicar o método que para muitos tornou-se até um modelo de negócio e forma de renda.
“Antes de darmos esse treinamento fazemos uma triagem para podermos avaliar quem será ou não nosso parceiro, estudando o perfil do interessado. Geralmente são profissionais das áreas de saúde, beleza, estética e esporte, que tenham uma visão empresarial”, explica Fábio.
Além disso esses parceiros não precisam atender apenas dentro de espaços comerciais, eles podem levar o equipamento no sistema “home care” e aplicar o método na casa do cliente.





1 - Em japonês, “sei” significa geração, e “issei”, primeira geração, em português. Issei é o japonês que emigra para outro país. Quando um issei tem um filho em outro país, a criança é um nissei, ou seja, o issei é a primeira geração, o nissei é a segunda e o sansei é a terceira.

Novidades

Cadastre seu e-mail e fique atualizado sobre novos cursos: